Menu fechado

Vestibular agendado ou tradicional?

Os processos seletivos se modernizaram. Hoje, o aluno escolhe qual a melhor maneira de realizar a prova. Facilidades que podem influir positivamente no resultado final. Nicolly Messias Vitorazzi, do 1º ano de Administração de Empresas optou pelo vestibular agendado e foi aprovada. O pavor pelo vestibular tradicional pesou na hora da escolha. “Fiz a prova sem aquela pressão que normalmente tem na prova tradicional”, lembra.

O vestibular agendado se caracteriza pela comodidade, ou seja, o aluno escolhe o dia e o horário que quer fazer a prova. Na data e hora marcada, o candidato vai até à faculdade e realiza o exame nas dependências da faculdade, sob a supervisão de um monitor. “O legal é que não fica ninguém em cima, olhando o que você está escrevendo”, relata Nicolly. O monitoramento é apenas para evitar irregularidades.

A dica para quem vai prestar o vestibular agendando é o cuidado na hora de escrever. “É preciso ter cuidado, porque no computador muita gente abrevia ou digita as palavras de maneira incorreta”, adverte a aluna.

Mas para quem prefere não mudar do sistema tradicional também há vantagens. O aluno Carlos da Silva Filho foi um dos que preferiu realizar o exame na data estipulada pela faculdade. “O vestibular tradicional é melhor porque geralmente acontece mais tarde, o que garante mais tempo para estudar”, avalia Carlos. Para ele, o ato de ler a prova no papel é melhor do que na tela do computador. “Tenho mais facilidades para escrever a redação manualmente”, conta.

O sistema agendado só é disponibilizado em algumas universidades particulares.

Veja também: