Menu fechado

Engenheiro do ano

 


Adriano
Murgel Branco é conselheiro e associado fundador da Instituição

No próximo dia 11 de dezembro quando será
comemorado o Dia do Engenheiro, o Instituto Mauá de Tecnologia (IMT) fará uma
celebração dupla: os 47 anos da Instituição e a escolha de seu conselheiro e
associado fundador e benemérito, Adriano Murgel Branco, como o Eminente
Engenheiro do Ano.
O título, conferido pelo Instituto de Engenharia de São
Paulo, é o reconhecimento pela contribuição de Adriano Branco não apenas à
Engenharia, mas à sociedade como um todo, conforme palavras do presidente do IMT,
Jorge Carlos Francisco Salomão. O homenageado participou ativamente da criação
do IMT, tendo sido responsável pela elaboração da estrutura gerencial, incluindo
os estatutos e departamentos administrativos da instituição.

 

A data e o local da homenagem têm um
significado especial para os dirigentes do IMT, pois remetem à criação da
instituição. Foi exatamente em um 11 de dezembro, no ano de 1961, que a
instituição de ensino, hoje uma das mais conceituadas do País, foi formalmente
constituída, na sede do Instituto de Engenharia, à época no Viaduto Dona
Paulina, no centro de São Paulo. Quase meio século depois, o IMT acumula uma
história marcada por conquistas e desafios, que se renovam a cada dia. Conforme
palavras de Adriano Branco, “nascida, enfim, do esforço de um grupo pioneiro, a
Mauá superou a crise inicial, cresceu e se consolidou como instituição”.

 

Foi em 13 de janeiro de 1962 que o IMT e sua
Escola de Engenharia Mauá (EEM) instalaram-se no edifício onde funcionara o
tradicional Colégio do Estado, no Parque D. Pedro II, na região central de São
Paulo, lá permanecendo até dezembro de 1981. Em 1965 deu-se o início das
atividades no campus de São Caetano
do Sul. Ao longo desses 47 anos, o IMT cresceu, ampliou suas instalações, ganhou
novos cursos, suas Escolas reuniram-se para formar um em centro universitário,
sempre mantendo o ideal que caracterizou a instituição desde sua criação: a
formação de profissionais altamente qualificados, com espírito empreendedor, que
respeitam a sociedade e trabalham continuamente na busca por inovações e
excelência em suas áreas de atuação.

 


Engenheiro do ano

– A escolha do Engenheiro do Ano foi feita por uma comissão do Instituto de
Engenharia e levou em conta a grande contribuição que esse profissional prestou
para o desenvolvimento da Engenharia. Com mais de 50 anos de profissão, Adriano
Murgel Branco trabalhou em diversas empresas privadas, foi professor da
Engenharia Mauá e Secretário de Estado dos Transportes e da Habitação, entre
outros. Atualmente, é consultor nas áreas de Transportes, Habitação e Políticas
Públicas. Este será o 46º título de Eminente Engenheiro do Ano outorgado pela
entidade.

 

O Instituto Mauá de Tecnologia dispõe de dois
campi e mantêm duas unidades: o Centro
Universitário – CEUN e o Centro de Pesquisas – CP. No campus de São
Caetano do Sul o Centro Universitário oferece os cursos de Engenharia e de
Design do Produto e os cursos superiores de tecnologia em Gestão Ambiental,
Marketing, Processos Gerenciais e Tecnologia da Informação. Nesse mesmo
campus são oferecidos os cursos de
pós-graduação em Engenharia (stricto-sensu e
lato-sensu), e, também, está instalado o
Centro de Pesquisas, que atende às indústrias no desenvolvimento de tecnologias
e com serviços de controle da qualidade de produtos e processos.

 

O Centro Universitário oferece no
campus de São Paulo, na Vila Mariana,
os cursos de especialização e de aperfeiçoamento, os MBAs e o curso de graduação
em Administração. O corpo docente altamente qualificado, conta com 60% de
mestres ou doutores. Desde 2019 a instituição oferece, também, cursos de
pós-graduação em São José dos Campos e, a partir de 2019, estará presente ainda
em Campinas.

 

Reconhecida como uma das mais conceituadas
instituições de ensino superior do Brasil, a Mauá dispõe de mais de 100 modernos
laboratórios, proporcionando aos seus alunos os meios e ferramentas para se
destacarem posteriormente em suas áreas de atuação. O IMT mantém convênios com
entidades nacionais e internacionais de ensino e pesquisa, que propiciam o
intercâmbio de docentes, pesquisadores e alunos.

 


 


INSTITUTO MAUÁ DE TECNOLOGIA – IMT

 

O Instituto Mauá de Tecnologia – IMT é uma
entidade de direito privado, sem fins lucrativos, cujo objetivo principal é
promover o ensino técnico-científico, visando a formação de recursos humanos
altamente qualificados, que contribuam para o desenvolvimento socioeconômico do
País.

 

Fundado em 11 de dezembro de 1961, o IMT foi
autorizado pelo MEC, em janeiro de 2000, a criar seu Centro Universitário com
sede no Campus de São Caetano do Sul, onde são oferecidos os cursos de
graduação em Design do Produto, Engenharia e Tecnologia, além do programa de
Pós-graduação em Engenharia de Processos Industriais. Nesse Campus também
está instalado o Centro de Pesquisas, que por meio do desenvolvimento de
projetos de pesquisa, trabalhos orientados por professores e estágios,
complementa a formação dos alunos. No Campus de São Paulo estão a Escola
de Administração Mauá e o Centro de Educação Continuada em Engenharia e
Administração.


Veja também: