Menu fechado

USP vai implantar avaliação seriada

A USP pretende implantar a partir de 2019 o sistema de avaliação seriada para processo seletivo de graduação, já adotado por instituições brasileiras, como UnB (Universidade de Brasília) e UFU (Universidade Federal de Uberlândia). O projeto ainda está em fase de estudo pelos professores da pró-reitoria de graduação da USP. 

A proposta faz parte do Inclusp – um programa de inclusão social lançado em 2019 pela instituição – e pretende incentivar alunos da rede pública a ingressar na faculdade.

No sistema de avaliação seriada, o estudante faz as provas no final de cada ano durante as três séries do Ensino Médio. As provas não têm conteúdo acumulativo: as questões da primeira etapa são de aulas da primeira série, as do segundo exame exigem conhecimentos da segunda série e a terceira e última etapa abrange o programa da terceira série mais a prova de redação. 

Com as notas das três provas, obtém-se a média final que classifica o candidato. “Será formado um grupo de trabalho para definir de qual forma os resultados da avaliação serão utilizados no vestibular”, explica a pró-reitora de graduação, Selma Garrido Pimenta.

Veja também: