Menu fechado

Substâncias orgânicas

– A água : conheça a importância da água e os fatores que levam à variação de água nos organismos

– Sais minerais : : relembre quais são suas principais fontes e importância no organismo.

– Lipídios : recorde sua constituição química, as diferenças entre óleos, gorduras e ceras . Onde encontrar os lipídios e sua importância (estrutural, como é o caso dos fosfolipídios da membrana plasmática; reserva energética alimentar ; isolamento térmico; proteção externa; vitaminas e hormônios, por exemplo podem ser citados o estrógeno, a progesterona e a testosterona ). 

No grupo dos lipídios também são incluídos os esteróides que compreende hormônios sexuais, corticosteróides, sais biliares do fígado e a vitamina D, além do colesterol presente em membranas celulares dos animais e no sangue.

Quando em excesso no sangue, o colesterol pode se acumular nos vasos sangüíneos prejudicando a circulação. A pessoa poderá apresentar , segundo alguns autores, além de outros problemas, uma doença conhecida como ateroesclerose ou arterioesclerose (neste caso, se além do colesterol houver depósito de cálcio).

– Carboidratos : saiba quais as três principais categorias de carboidratos com exemplos de representantes de cada uma. Recorde ainda a função dos monossacarídeos glicose, frutose e galactose; dos dissacarídeos maltose , sacarose e lactose e dos polissacarídeos amido, glicogênio e celulose. 

Saiba que após hidrólise, os dissacarídeos maltose, sacarose e lactose se transformam respectivamente em: glicose + glicose ; glicose + frutose e glicose + galactose. Lembre-se também que a celulose não nos fornece energia por não ser digerida no organismo humano por falta da enzima celulase; apesar disto, ela tem importância pois ³uma refeição rica em celulose produz um maior volume de resíduos no intestino, o que estimula o peristaltismo, facilitando a eliminação das fezes ¹ . 

Mas vale a pena saber que ruminantes como os bois, por exemplo, possuem em seu estômago bactérias e protozoários capazes de produzir celulase que auxilia na digestão da celulose ingerida pelo animal, permitindo um bom aproveitamento do alimento.

– Vitaminas : relembre quais as principais fontes das vitaminas hidrossolúveis (B, C , H) e das lipossolúveis ( K, E, D, A ) , sua importância e quais doenças aparecem devido a sua carência. Saiba também o que são e porque ocorrem : escorbuto, raquitismo, beribéri, pelagra, xeroftalmia , cegueira noturna e anemia perniciosa.

– Proteínas : este é um assunto que costuma ser bastante explorado, assim :



a) Relembre que proteínas são polipeptídeos de cadeia longa constituída por diversos aminoácidos (mais de oitenta, para alguns autores) . Você deve saber o que são estrutura primária, secundária e terciária de uma proteína. Lembrar que a seqüência de aminoácidos da proteína determina a sua forma e esta, define a função protéica.



b) Saiba reconhecer a estrutura química de um aminoácido , os tipos de aminoácidos, o que são aminoácidos naturais e essenciais, como montar ligações peptídicas e que o número destas é sempre um a menos do que o número de aminoácidos presentes na molécula do polímero. 



c) Relembre os diversos papéis biológicos das proteínas (defesa, estrutural, enzimático, hormonal, nutricional e outros)



d) Relembre também o que são o mecanismo chave- fechadura e a especificidade das enzimas. Reações catalisadas por enzimas são reversíveis mas a desnaturação protéica provocada por fatores como temperaturas muito altas, pH impróprios e substâncias químicas são irreversíveis. Seja capaz de reconhecer e interpretar os gráficos dos fatores que influem na atividade enzimática X velocidade da reação.



e) Recorde quais as principais enzimas que atuam facilitando a hidrólise dos alimentos no organismo, em que locais são produzidas, em que parte do corpo atuam e quais as temperaturas e pH ótimos para sua melhor atividade.



f) Quanto às proteínas de defesa, estude o que são anticorpos e como o organismo os fabrica em resposta a penetração de antígenos. Saiba o que são imunização ativa natural e artificial e imunização passiva natural e artificial , o que o indivíduo recebe ( se anticorpo ou antígeno enfraquecido, por exemplo) respectivamente no caso de soro e vacina, vantagens e desvantagens de sua utilização e indicação de uso ( se preventivo ou terapêutico) e exemplos de soros e vacinas. 



Vale a pena , ainda, rever o gráfico relativo ao nível de anticorpos no sangue X tempo em dias, após uma primeira e segunda inoculações de antígenos.

 

Veja também: