Menu fechado

Uma noite em Curitiba – Cristóvão Tezza

Uma noite em Curitiba – Cristóvão Tezza

No livro Uma noite em Curitiba, o romancista enfrenta o desafio de uma história de amor com as armas já comprovadas pela crítica em seus livros anteriores: na linguagem, na segurança narrativa, a ironia e os paradoxos dos pontos de vista, no tema, a classe média brasileira que povoa sua Curitiba.

Inserindo-se no contexto do livro, o escritor Cristovão Tezza utiliza-se da intuição pública federal como pano de fundo na construção do personagem principal do livro “Uma noite em Curitiba”, o professor universitário Frederico Renon.

Dessa forma, através das atitudes e ironias do protagonista, o autor aproveita para criticar o sistema vigente nas universidades e denunciar o esquema de desvio de verbas destinadas à educação.

Para isso, o filho não nomeado reúne as cartas de seu pai à Sara Donovan, atriz glamurosa que teve importante papel na construção de seu caráter.

Através destas cartas, jamais entregues, fica evidente a transformação do diplomata professor Frederico Renon, que nada mais é do que a máscara que Sara “ajuda” a derrubar quando reaparece, no menino apaixonado de anos atrás marcado pela agonia constante da lembrança de ter assassinado um homem.

A partir dessa descoberta, o filho passa a seguir os caminhos do pai, procurando assim entender esse pai que ele jamais conheceu de verdade e que nunca fez parte integrante na vida dele.

Paralela a distância entre pai e filho, dona Margarida, uma mulher estigmatizada pela presença imponente do marido, agindo sempre como agente abafador de discussões e ajudando a manter a visão estruturada e harmônica da instituição família, também transforma-se no decorrer da trama.

A filha ausente é somente parte figurativa e pouco influente na seqüência da história.

Dessa forma, Cristovão Tezza consegue englobar a complexidade do ser humano e a capacidade de auto-modelação baseada na conservação das aparências, contrapondo-se ao instinto natural de mudanças que universaliza a sua obra de Curitiba, para o mundo.

Veja também: